Festival do Folclore - Olímpia-SP
Notícias
 
Versão para Impressão - Clique AquiVoltar para a Página AnteriorEntre em contato conoscoIr para a Home Page
Pré-abertura com grupos e Jair Rodrigues contagiou o público - Festival do Folclore - Olímpia-SP
Pré-abertura com grupos e Jair Rodrigues contagiou o público
23/07/2011
A Pré-estreia do 47º Festival de Folclore de Olímpia (Fefol), aconteceu nesta sexta-feira (22), na Praça de Atividades Folcloricas “Professor José Santana”. O Godap iniciou a apresentação as 21h05 quando nas arquibancadas já contava com um bom público. Em seguida foi a vez do Grupo Anástasis fazer a platéia vibrar com suas danças folclóricas, e por ultimo, se apresentou o grupo Frutos da Terra fechando as apresentações da noite.


Show com o cantor e compositor Jair Rodrigues foi sucesso...

O público que timidamente foi aparecendo, acabou lotando boa parte da arena central, e após as apresentações dos três grupos parafocloricos olimpienses, vibrou muito durante a apresentação de Jair Rodrigues, o show tão esperado da noite. Foi contagiante. Jair, com 72 anos, até ‘plantou bananeira’ no palco; fez todos se agitarem, desceu pela coluna do palco e cantou andando entre o público.

Entre inúmeras autoridades presentes na pré-estréia, o Vice Prefeito acompanhou passo a passo desde o início das apresentações e também cantou com o sambista brasileiro. “Jair Rodrigues é um show-man e fez todo mundo vibrar mesmo. Espero que este festival, com esta nova data, seja realmente um dos melhores dos últimos tempos”. E convidou todos para prestigiar “esta que é, sem dúvida, uma das maiores festas do gênero no Brasil”.


Jair Rodrigues cantou sucessos como "O Samba Como Ele É", "O Morro Não Tem Vez", "Deixa Isso pra Lá" e "Disparada", entre outros...

Para o secretário de Governo Paulo Marcondes que também marcou presença representando a administração municipal na abertura do evento, “é um espetáculo de criatividade e é a perpetuação das raízes das nossas culturas e nossas tradições”. Quanto a mudança para julho o Secretário disse acreditar também que “o Prefeito Geninho tomou uma decisão certa e sensata, unindo um grande festival com um grande numero de turistas que visitam a cidade nesta época do ano”.

Para um casal de Rio Claro, interior de São Paulo, ele dermatologista e a esposa professora de artes da USP, “a alteração de data feita pelo prefeito foi uma decisão acertada tendo em vista que nesta época do ano temos como vir a Olímpia devido as férias escolares. Então aproveitamos esta nossa vinda à Olímpia, primeiro para conhecer o Termas e, depois, o festival, e se fosse em agosto dificilmente poderíamos estar aqui.”

Depois de mais de duas horas de show, o vereador Salata (líder do Prefeito na Câmara de Olímpia) comentou sobre a performance de um dos grandes ícones da musica brasileira, Jair Rodrigues. “Ele terminou o show do mesmo jeito que começou. Incrível! Que determinação e fôlego tem esse cantor que botou todo mundo pra dançar ao som de musicas cantadas pela maioria das pessoas presentes e fãs do artista”.


Vice-prefeito Gustavo Pimenta ao lado de Jair Rodrigues...


O presidente da comissão do Festival, Paulo Duarte, e o Secretário de Governo, Paulo Marcondes, com o cantor e compositor...

Quanto a nova data do Festival Salata fez questão de parabenizar o prefeito e ressaltar, “O Prefeito Geninho teve uma idéia brilhante porque com isso o Festival se fortalece já que inúmeras famílias vem pra cidade nesta época do ano para turismo e acabam curtindo o festival. A tendência agora é que no ano que vem, o festival mais público ainda do que neste ano”.

Jair Rodrigues recebeu, no palco, de presente, o anuário que será lançado neste sábado (23) do 47º Fefol, das mãos do presidente executivo da Comissão Paulo Duarte.

Brincou com a coordenadora Maria Aparecida de Araújo Manzolli (Cidinha) e ouviu os agradecimentos, e o desabafo, do secretário Humberto (Beto) José Puttini (Cultura, Turismo, Esportes e Lazer): “Muitos nos criticaram dizendo que Jair Rodrigues não era folclore, que não poderia abrir o nosso Festival, e a prova de que estávamos certos foi demonstrada hoje: Jair é, sim, o símbolo da verdadeira música popular brasileira, raiz de nossa cultura, e nos fez cantar, sorrir e até chorar. Enquantos poucos ladram, o Fefol cresce e faz história”. 

Para quem acompanhou nesta sexta-feira, isso tudo é só o começo, já que neste sábado (23), acontecerá a abertura oficial do 47 Festival do Folclore de Olímpia, que neste ano presta uma homenagem especial ao Estado do Rio Grande do Norte.

Embora ainda não com a sua casa de taipa totalmente ‘decorada’ ao gosto do matuto, o mestre ‘contador de causos’ Paulo Varela, juntamente com a sua esposa e filho de sete anos (que já acompanha o pai nas quadras poéticas), emocionava os visitantes. A diretora do Blog, Laudiceia Concon, chegou a chorar, lembrando a sua infância humilde ao lado de 12 irmãos, em Garanhuns (PE), quando Varela contou um ‘causo’ triste de Papai Noel.

Se depender da vibração nesta Pré-estreia, tudo indica que Olímpia poderá ter realmente um Festival com nunca teve. Vale a pena conferir e dançar com os tradicionais e principais grupos folclóricos brasileiros, sem contar as outras atrações como o Mestre contador de “causos” Paulo Varella e sua casinha de taipas, o parque recheado de múltiplas atrações e as barracas com as comidas típicas e tradicionais da região.

Mais Notícias
08/06/2017 :
Licitação para espaços no Festival de Folclore dará oportunidade para todos
08/06/2017 :
Festival do Folclore terá opções de marcas de bebidas e preços acessíveis
01/06/2017 :
Vila Brasil continuará sendo sucesso no Folclore, afirma secretária
31/05/2017 :
Festival do Folclore abre inscrições para concurso da rainha e princesas
25/05/2017 :
Semana de Museus encanta público com apresentações culturais
Outras Notícias 

 

 

 

53ª Edição
   
Menu - 51º Fefol
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
 
 

       
 
 
 
 
Festival do Folclore
 
  OlímpiaWeb - Clique e Conheça